02 de julho de 2013

O sorriso já não brilha

Por Sérgio Ricardo, pesquisador de profissão, publicitário de formação e sociólogo por opção. Co-autor do livro Marketing Interativo e dono do blog Verdade com Poesia.

Ilustração por Stella Mendes.

stela2

O sorriso já não brilha

A verdade é subjetiva; o encanto agora frustra

O calor do sol, não sei, perdeu a graça e a quentura

E motiva o motivo desta separação

Tua mão, presente, queima e arde

Não tanto quanto o rompimento deste vinculo visceral

O sonho é desencanto

E tua voz desafina meu canto

Jogo, aparte das regras,

Utopia ou sabedoria, quem sabe dizer?

Eu não quero, ou não consigo

Dá no mesmo,

Amigo, teu pressentimento foi só isso

A distancia, essa sim é mais real

Olho a janela sem querer ver o horizonte,

Sei que está lá

Assim como o riso que se foi,

O olhar sem falar,

E o banho sem espuma.

A vida, uma desventura, fique tranquilo

Essa, ainda acaba amanhã.

A RUA GRITA

Como Dória pode legislar sobre o que é lindo?

Por: Gabriel Kerhart É possível legislar sobre o belo? Talvez um professor de estética consiga … Continuar lendo Como Dória pode legislar sobre o que é lindo?

A RUA GRITA

Em família: a resistência LGBT na periferia da zona sul

“Há momentos de tristeza, mas há momentos de alegria também. Ninguém é 100% uma coisa. … Continuar lendo Em família: a resistência LGBT na periferia da zona sul

A RUA GRITA

Como o hospital da USP ficou à beira do abandono

Faculdade que gerencia o hospital alega falta de recursos. Coletivos e população lutam para que … Continuar lendo Como o hospital da USP ficou à beira do abandono

A RUA GRITA

Ser gay aos 20 e poucos anos em São Paulo

“Eu acho que você fica apaixonado por muita gente. Você é apaixonado o tempo todo. … Continuar lendo Ser gay aos 20 e poucos anos em São Paulo