06 de fevereiro de 2015

Documentário ‘Entre Rios’ e a crise de abastecimento: um problema de 461 anos

Um rio concretado: alagamento no túnel do Anhamgabaú em 1963


Por Henrique Santana

Como dizem alguns, o nome “crise hídrica” deveria ser substituído por “crise de abastecimento”. O problema não é fruto da estiagem e sim decorrência de um processo histórico e de planejamento; para além da longa gestão tucana na terra da garoa, a questão se estende em uma trama que se repete: Interesses de mercado se sobrepondo aos da população.

O mini-doc “Entre Rios”, realizado por alunos de Audiovisual do Centro Universitário Senac em 2009, não poderia ser mais atual. Traçando um retrospectiva histórico-geográfica da urbanização de São Paulo, o vídeo traz uma análise do desenvolvimento paulista pela ótica dos rios – mais tarde canalizados – que permeavam a pequena vila São Paulo de Piratininga, sem deixar de lado aspectos políticos e financeiros, sempre presentes nas decisões que dão as diretrizes do planejamento urbanístico da cidade.

Um filme que aborda a discussão da água em São Paulo por outros aspectos. Um problema estrutural, que tem suas raízes aprofundadas para além da superfície de asfalto. Submerso nos canos que passam em baixo de nossas avenidas.

Confira o Doc:
A RUA GRITA

Volta Negra: a história do negro no Centro de São Paulo

Novo ciclo de caminhadas da Volta Negra começa neste sábado e tem atividades programadas para os próximos dois meses