17 de março de 2015

Vida de cão

Ilustra: Gabriel Roemer
Ilustra: Gabriel Roemer

Por: Henrique Santana

Um cão ladra por ente as grades de um portão.
Berra para quem vem na rua.
Ele diz:
“Isso é meu, isso é meu!”
Mal sabe o cão,
nem seu é o portão.
E,
caso quisesse defender tamanha propriedade,
não poderia.
O portão não é seu e nem tão pouco a liberdade.
Morder o transeunte não conseguiria.
Fica entre grades.
Preso pelo ferro que o divide,
da tamanha liberdade,
que quem passa na rua também não vive.

A RUA GRITA

Volta Negra: a história do negro no Centro de São Paulo

Novo ciclo de caminhadas da Volta Negra começa neste sábado e tem atividades programadas para os próximos dois meses

A RUA GRITA

Últimos 3 dias para ajudar: Cora Primavera vai às ruas!

Criado pela Cia. Nada Pensativo, peça Cora Primavera aborda questões como transfobia e violência contra … Continuar lendo Últimos 3 dias para ajudar: Cora Primavera vai às ruas!

A RUA GRITA

Volta Negra: um caminho da História de São Paulo

A caminhada acontecerá por pontos da cidade como a Praça da Liberdade, a estação Anhangabaú de Metrô e a Praça Antônio Prado. Até o século XIX, esses locais sediavam, respectivamente, a Forca, o Mercado de Escravos e a Igreja da Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos.