30 de setembro de 2015

A ocupação consciente do Calçadão Cultural do Grajaú


Nesse novo ciclo de atividades no Calçadão Cultural do Grajaú, a Vaidapé está articulada com os moradores do bairro para a construção do Coletivo Formigueiro


Por Patricia Iglecio
Fotos: Jay Viegas, Henrique Santana e Patricia Iglecio

O Grito do Pé Preto, projeto cultural da Vaidapé, volta ao Calçadão Cultural do Grajaú com shows de hip hop, batalhas temáticas de rap e, como sempre, com o microfone aberto para todas e todos que queiram se expressar. Nos dias 13 e 20 de setembro, demos início ao novo clico de atividades e, principalmente, a construção do Coletivo Formigueiro, que reúne moradores do Grajaú para a ocupação consciente do Calçadão e da Casa de Cultura Palhaço Carequinha.

No dia 13, a Vaidapé se reuniu com os moradores da região para traçar um plano conjunto de atividades e articulação do novo coletivo. A ideia é unir forças para que os próprios moradores promovam eventos culturais no espaço público. Cuidar da limpeza do espaço, realizar assembleias sobre as dificuldades e necessidades de ocupação do Calçadão e promoção de eventos culturais são algumas das metas do Coletivo Formigueiro.

Depois do papo, mesmo embaixo de chuva, as rimas começaram a tomar conta do Grajaú.

CONFIRA ALGUMAS FOTOS DO PRIMEIRO EVENTO
cocidade-6cocidade-11 cocidade-12cocidade-15 cocidade-16cocidade-18 cocidade-19cocidade-20 cocidadecocidade-23

Já no dia 20 de setembro, realizamos em conjunto um grande evento, com a participação do artista Caio, que pintou o rosto do pessoal com traços indígenas e africanos, além de intervenções em um cavalete, em que todos podiam registrar suas tags, desenhos e poesias. Além dsso, foi realizada uma gravação com o grupo Grajah, para nossa série audiovisual “O que é o rap?”.

O evento também contou com apresentações dos grupos Expresso Perifa, Grajah, Subbversivos e da cantora Grazi. Para finalizar o dia, a batalha temática aconteceu com a interação do público, que sugeriu temas como violência policial e machismo. O vencedor foi o MC Fábio Neto, do grupo Grajah. No final do rolê, um multirão de limpeza deu um tapa no Calçadão, fazendo a recolha de latas e garrafas.

VEJA TAMBÉM COMO FOI O SEGUNDO DIA DE ATIVIDADES:
sem título-7sem título-2 sem título-8sem título-12 sem título-16sem título-3 sem título-23 sem título-4sem título-22 sem título-18 sem título-20sem título-21 sem título-42 sem título-28 sem título-36 sem título-37 sem título-38 sem título-41 sem título-58 sem título-57 sem título-56 sem título-64 sem título-66 sem título-62 sem título-68 sem título-69 cocidade-3

Fique ligado, porque no próximo domingo, 4 de outubro, tem mais!

Confira a programação aqui

A RUA GRITA

Volta Negra: a história do negro no Centro de São Paulo

Novo ciclo de caminhadas da Volta Negra começa neste sábado e tem atividades programadas para os próximos dois meses

A RUA GRITA

Últimos 3 dias para ajudar: Cora Primavera vai às ruas!

Criado pela Cia. Nada Pensativo, peça Cora Primavera aborda questões como transfobia e violência contra … Continuar lendo Últimos 3 dias para ajudar: Cora Primavera vai às ruas!